Papo do Pescadô

1ª COLUNA DO ANO DE 2018 COLUNA PAPO DE PESCADÔ É DO PESCADÔ

Fiel ao seu leitor, a coluna Papo de Pescadô, publicação relacionada a pesca aqui de Lagoa da Prata chega até sua casa pela primeira vez em 2018. Peço licença ao amigo leitor para que isso possa acontecer quinzenalmente, através desta página do Jornal O Papel durante todo ano. Revirando alguns guardados, encontrei as antigas edições da coluna papo de Pescadô. Tive  a oportunidade de criar esta publicação no ano de 2001, e era bem pequena. E tudo começou com um sonho : Divulgar a necessidade de respeitar mais o meio ambiente, praticar a pesca esportiva, realizar eventos beneficentes na cidade e organizar torneios e competições voltadas para o público pesqueiro de nossa querida Lagoa da Prata. Espero que gostem das novidades que estamos preparando com muito carinho para este ano. Desejo a todos um 2018 cheio de boas pescarias, boas risadas, boas lembranças e muita preservação. Quem solta um peixe hoje pode fotografar 2 amanhã. Boa leitura .

 

VEM AÍ A PRIMEIRA COMPETIÇÃO DE CAIAQUES DE LAGOA DA PRATA DA COLUNA PAPO DE PESCADÔ

A Coluna Papo de Pescadô, vai realizar aqui em Lagoa da Prata a Primeira competição de Caiaques na Lagoa da Prata. Já estamos nos mobilizando para os apoios e para obtermos a liberação da nossa querida Lagoa para a realização deste evento, que promete movimentar a cidade, tendo em vista que trata-se do primeiro e a modalidade esportiva tem aumentado cada vez mais o número de adeptos. Vale a pena participar. Aguardem para mais informações. Primeira Competição de caiaques de Lagoa da Prata. Mais uma realização da sua coluna Papo de Pescadô – Hemerson kenedy.

 

PEIXADA BENEFICENTE PROMETE EXCELENTES PEIXES ESTE ANO.

EVENTO SERÁ BENEFICENTE PARA A PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE GUADALUPE

Quem não gosta de um bom peixe ? Evento beneficente é o que não vai faltar no calendário da sua coluna semanal de pesca : COLUNA PAPO DE PESCADÔ. Brevemente divulgaremos a data e o local para a nossa Peixada Benficente. Este ano toda a renda será destinada para a Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe. Teremos várias qualidades de peixes: assados, fitos, grelhados e ensopados. AGUARDEM……

 

 LICENÇA PARA PESCA AMADORA SERÁ VALIDA POR MAIS 120 DIAS

O prazo de validade das Licenças Provisórias para Pesca Amadora dos exercícios 2016 e 2017 foi prorrogada por mais 120 dias. O motivo foram problemas no sistema que emite licenças definitivas. Para continuar utilizando o documento, o pescador deve apresentar, além da própria licença provisória: documento de identidade, comprovante de pagamento da licença definitiva e texto da portaria que prorroga o prazo. De acordo com o MInistério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, pessoas físicas ou jurídicas que exerçam atividade pesqueira no Brasil devem ser previamente inscrita no Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP). Se a atividade for esportiva ou recreativa, também deve ser registrada, mas na categoria Pescador Amador. Nesse último caso, é obrigatório, também, o pagamento de taxa anual entre R$ 20 e R$ 60. Quem exercer a atividade pesqueira, seja de forma profissional, recreativa ou esportiva, e não tiver a licença, está sujeito a autuações dos órgãos de controle como o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e as polícias ambientais. A legislação vigente determina que a licença provisória é válida por 30 dias após o pagamento da taxa, prazo no qual o documento definitivo pode ser emitido pela internet.

 

PRIMEIRO CAUSO DE PESCADOR DO ANO

Contar histórias pode parecer uma tarefa fácil, mas não é. O causo de pescador, originado na narrativa oral, traz para o coletivo todas as fantasias, situações engraçadas e inusitadas que ocorrem nesse ambiente especial que é a beira do rio.O pescador, contador de causo por tradição, costuma envolver seus leitores e ouvintes de tal forma a transformar uma simples tarde de pescaria em um filme de aventura, com direito a personagens fantásticos e muito suspense. Os pescadores de Lagoa da Prata já estão habituados a ler aqui os causo de pescador, de forma a mexer com os outros leitores assíduos e transformar o jornal impresso em mais um ponto de encontro da pesca. Não é difícil ver estampado nas entrelinhas das histórias brincadeiras engraçadas com os companheiros pescadores, que não esperam muito para “revidar” em outra criativa história. Então vamos ao causo de hoje :

 

PESCARIA DE CACHORRO

O fato que vou contar, aconteceu bem perto, na lagoa Verde. Tarde de sol muito forte, eu e o Luiz , resolvemos pescar na lagoa. Estávamos conversando no Bar do Paquinha, que cansado de ouvir tanta bobagem disse: ‘Vocês não têm o que fazer, porque não vão pescar?’ O Luiz olhou para mim e disse: ‘Sabe que é uma boa ideia?’ E em pouco tempo estávamos saindo para pescar na lagoa. O Luiz, como sempre fazia, levou seu cachorro, um ‘chihuahua’ bem pequeno por sinal, com uns 20 centímetros de comprimento. Lá chegando, já ao entardecer, preparamos as varas, as iscas, sentamos ao lado de uma árvore, e eu fui o primeiro a jogar o anzol na água. Passado alguns minutos, nada, nem um beliscão. O Luiz amarrou o cachorro ao seu lado, com uma corrente de três metros presa a um gancho de ferro enterrado no chão, e também jogou o anzol na água. Minutos depois, nada de peixe. Tirei o anzol e a isca tinha mudado de cor. O Luiz resolveu jogar farelo de milho, quem sabe assim aparecia algum peixe. Mas ao levar o braço para jogar o farelo, aconteceu o imprevisto. O cachorro entrou na frente e foi jogado para dentro da água junto com o farelo, por ser leve e pequeno. A corrente esticou, não foi longe, pois estava presa ao gancho no chão. O Luiz levantou-se rápido e segurou a corrente para puxar o cachorro para fora. Aí o susto! Ao puxar a corrente para salvar o cachorro, sentiu que alguma coisa puxava para dentro da lagoa. Pulamos na água, segurando na corrente, até o ponto onde deveria estar o cachorro. Mas para nossa surpresa, não era o cachorro que estava ali, e sim uma carpa, que passava na hora e abocanhou o cachorro quando caiu na água. Como não conseguiu escapar, pois estava com o cachorro na barriga e com a corrente presa ao gancho, conseguimos com muito esforço retirar a carpa para o barranco. Desesperado, o Luiz queria cortar a barriga do peixe, mas ficou com medo de machucar o cachorro. Por isso, juntamos as tralhas e voltamos. Fomos direto para a casa do veterinário. Como num passe de mágica, ali mesmo na calçada, ele realizou uma pequena cirurgia. Com todo o cuidado, retirou o cachorro são e salvo da barriga da carpa. Imagina a alegria do Luiz ao ver seu cachorro vivo e abanando o toquinho do rabo? Após passado o susto, pesamos a carpa que marcou 22 Kg.

 

ENCONTRÃO 2018

O município de Guarujá está situado na Ilha de Santo Amaro, litoral de São Paulo, perto de Bertioga e Santos. Guarujá também é conhecido internacionalmente como “Pérola do Atlântico”, com belas praias e belezas naturais. A Praia de Pitangueiras é a mais visitada em alta temporada, época em que sua orla é completamente ocupada por turistas. Outras praias também muito frequentadas são Pernambuco, Astúrias e Enseada, por ficarem mais próximas ao centro da cidade. As praias do Guaiúba, Tombo, Perequê e de São Pedro também tem ótimas estruturas.

Além das praias, o Guarujá também oferece outros pontos turísticos como o Aquário Acquamundo Guarujá, na Enseada. O estabelecimento dispõe de 49 ambientes e um tanque com 800 mil litros de água salgada. Para quem gosta de apreciar a vista panorâmica do mar, existem algumas opções como o Morro do Maluf e Sorocotuba, com vista para o restante da cidade. Já para fazer compras ou para assistir um filme no cinema, o indicado é visitar o Shopping LaPlage (Praia de Pitangueiras) ou o Shopping Jequiti (Praia do Pernambuco). SAIREMOS DE LAGOA DA PRATA DIA 03 DE FEVEREIRO ÀS 18:00 HORAS E NOSSO RETORNO DIA 08 DE FEVEREIRO . VOCÊ MERECE UMA VIAGEM DESSA !!!!! HOSPEDAGEM – CAFÉ DA MANHÃ – ALMOÇO . RESERVAS : 9-9945-8725 – HEMERSON KENEDY

BOM FIM DE SEMANA. ATÉ A PRÓXIMA SE DEUS QUISER.

Lembre-se : Você é uma criação única de Deus, nada nem ninguém pode substituir você. Zele por sua autoestima.

Post Anterior

Dondon e Tinoco

Próximo Post

PM apreende mais de cem buchas de maconha na “Peteca”

Hemerson Kennedy

Hemerson Kennedy