NotíciasNotícias Policias

Acidente faz duas vítimas fatais na MG 170

Carro saiu da rodovia e pulou por cima de cerca de arame

Um grave acidente foi registrado na manhã deste domingo, dia 08 de Maio, na rodovia MG 170, que liga Lagoa da Prata a Moema, na altura do Km 26, próximo à ponte sobre o rio Jacaré. Segundo informações da PM, quando os militares chegaram ao local perceberam que o veículo acidentado – um BMW, estava a cerca de 50 metros fora da pista.

O veículo estava totalmente carbonizado e do lado de fora foram localizadas duas vitimas fatais, que provavelmente foram lançadas para fora no momento do acidente.

Até o momento, não foram apurados os dados do veículo e nem maiores informações sobre as vitimas. Um deles, segundo conhecidos presentes no local do acidente, e que seria o proprietário do veículo, foi identificado nas redes sociais como sendo Tafarel Fabio, de 26 anos sócio de uma distribuidora, na vizinha cidade de Moema e estudante em Lagoa da Prata. O outro ocupante, segundo estes mesmos conhecidos, foi identificado apenas como Leonardo.

O jovem Tafarel, de 26 anos, uma das vítimas do acidente (foto: Facebook)

O jovem Tafarel, de 26 anos, uma das vítimas do acidente (foto: Facebook)

Leonardo Batista, também de Moema, foi a outra vítima. (Foto: Facebook)

Leonardo Batista, também de Moema, foi a outra vítima. (Foto: Facebook)

O detalhe da foto mostra a árvore onde o galho foi partido com o choque, cerca de 2 metros de altura do chão onde o carro caiu. Na segunda marca o pedaço arrancado.

O detalhe da foto mostra a árvore onde o galho foi partido com o choque, cerca de 2 metros de altura do chão onde o carro caiu. Na segunda marca o pedaço arrancado.

 

Acidente aconteceu por volta de três da madrugada

Pelas evidências no local, o veículo que seguia no sentido Lagoa da Prata – Moema, por algum motivo ainda desconhecido avançou a contramão de direção, saiu da rodovia, foi arremessado no ar a uma altura de mais de dois metros e parou depois da cerca de uma propriedade particular. O veículo se incendiou mas os ocupantes foram lançados para fora.

O caseiro da fazenda, Nei Santos, explicou o que ele viu:

“Era quinze pras três, nós escutamos o barulho. Deu aquele estouro lá, mudei a roupa correndo que eu estava deitado, fui lá correndo, quando cheguei tava os dois caídos, um mais pra baixo e outro mais pra cima, e o carro já estava começando a pegar fogo. Aí eu vim cá correndo e falei pra minha mulher, liga pra polícia que foi acidente”.

Segundo o caseiro, quando se aproximou dos corpos eles já estavam sem vida. “Um deles cortou a cabeça na testa e o outro tava com o braço quebrado com osso de fora”. Ele disse ainda que o fogo no veículo durou cerca de uma hora e meia.

 

Nei Santos, caseiro da fazenda, conta que o veículo ultrapassou a cerca sem danifica-la, o que sugere que ele tenha sido arremessado no ar quando saiu da pista: “A cerca de lá não teve nada não. Teve até um galho lá que tá quebrado que eu acho que foi onde eles bateram com o carro no alto e já caiu cá dentro do beco”.

Nei Santos, caseiro da fazenda, conta que o veículo ultrapassou a cerca sem danifica-la, o que sugere que ele tenha sido arremessado no ar quando saiu da pista: “A cerca de lá não teve nada não. Teve até um galho lá que tá quebrado que eu acho que foi onde eles bateram com o carro no alto e já caiu cá dentro do beco”.

Post Anterior

Biosev oferece postos de trabalho

Próximo Post

Polícia apreende arma de fogo escondida em veículo

Junior Nogueira

Junior Nogueira