Editorial

Big Brother Brasília

Os olhos da nação continuam voltados para a capital federal, onde se desenrola o processo de impeachment, agora no senado. E continuam se sobrepondo as performances dramáticas e barulhentas dos nossos representantes políticos. Imagino como seria o espetáculo se não houvesse mídia. Sem público, sem televisão, será que haveria o mesmo calor, o mesmo exagero? Às vezes até nos esquecemos o que está sendo analisado, face à paixão e dramaturgia dos discursos, de ambos os lados. Bonito de se ver pela dialética, pouco prático pelo que se propõe esclarecer. Ou seja, muito drama pra pouco resultado. E lá se vai mais um capítulo…

Segurança Pública

Sem sombra de dúvidas, o principal compromisso do próximo chefe do executivo de Lagoa da Prata terá que ser com o quesito segurança. A cada semana a cidade torna-se mais violenta, a população mais amedrontada e a bandidagem mais à vontade. E por um motivo simples: enquanto a capital se aparelha e reforça seu efetivo, as cidades do interior minguam seus recursos humanos e ficam cada vez mais vulneráveis à ação dos bandidos. Continuamos aguardando a mobilização que se prometeu junto ao governo do estado. Continuamos aguardando as propostas para reforço da Guarda Municipal. As políticas públicas relativas à segurança devem entrar na pauta dos postulantes à Prefeitura e serem apresentadas em forma de projetos plausíveis, não apenas promessas. Pensem nisso, senhores candidatos.

 

Post Anterior

Com suspeita de traumatismo craniano, jovem aguarda vaga em hospital

Próximo Post

Justiça determina bloqueio do WhatsApp no Brasil por 72 horas

Junior Nogueira

Junior Nogueira