NotíciasNotícias PoliciasPolíticaUtilidade pública

PM recebe mais duas motos para combate ao crime

Comandante da 7ª região PM anuncia vinda de mais policiais para Lagoa da Prata em abril

A Polícia Militar de Lagoa da Prata recebeu na tarde desta terça-feira, dia 07 de março, duas motocicletas para o Grupo Especializado em Prevenção Motorizada Ostensiva e Rápida – GPMOR. Trata-se de duas motos Yamaha XT 660, preparadas para qualquer tipo de terreno (asfalto ou terra). A iniciativa foi do Poder Judiciário, em parceria com o Ministério Público, APAC e Consep.

A entrega foi realizada durante solenidade ocorrida no Teatro Municipal Fausto Rezende, na praia pública. Estiveram presentes, entre outras autoridades, o comandante da sétima região da PMMG, Coronel Helbert Carvalhaes, o comandante do sétimo Batalhão, Tenente-Coronel Rodrigo Coimbra, o comandante do pelotão de LP, Tenente Batista, o Tenente Flavio Andreote, o Juiz de Direito da Comarca de Lagoa da Prata, Aloysio Libano de Paula Jr, o Promotor de Justiça Eduardo Almeida, o presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública – Consep – Francisco Cabral, diretores da APAC – Associação de Proteção e Assistência ao Condenado, o comandante da Guarda Civil Municipal, Emerson Santos e o presidente da Câmara, Cabo Nunes. O Prefeito Paulo Teodoro não compareceu.

Na ocasião foram entregues às autoridades presentes uma placa de agradecimento em nome da PM. A banda de música do 7º Batalhão abrilhantou o evento.

Entrevistado pelo diretor da rádio Tropical, Thiago Martins, sobre o aumento do efetivo da PM para a cidade, o Coronel Helbert Carvalhaes disse o seguinte:

“Nós estamos com um curso em andamento, são 150 militares que irão se formar no próximo dia 28 de abril. Mesmo com a dificuldade que o estado passa, do ponto de vista financeiro, já foi autorizado um novo curso, que inicia-se em novembro. Apenas cinco regiões, das dezenove do estado que irão receber a entrada de 56 policiais para essa nossa região. Então teremos essa entrada agora de 150 policiais mais 56 no ano que vem”.

No caso específico de Lagoa da Prata, o militar informou que a cidade receberá atenção especial no reforço do seu efetivo:

“Já temos uma formatura que possa dar a certeza de que Lagoa da Prata terá um aporte, estamos estudando os números porque são 50 cidades que estão no nosso comando, estamos fazendo um estudo bem detalhado sobre os problemas de criminalidade e os problemas de defasagem do quadro policial, e a gente sabe que Lagoa da Prata merece uma atenção especial, porque é uma região que dá saída para várias outras localidades (…)”, afirmou.

Após a solenidade, foi servido um coffe break.

Colaboração: Thiago Martins, Rádio Tropical.

Post Anterior

Prefeitura quer usar capina química na área urbana

Próximo Post

Biosev abre safra 2017 com previsão de bater novo recorde

Junior Nogueira

Junior Nogueira