NotíciasNotícias Policias

Rapaz ferido em ação policial é transferido para o João XXIII com traumatismo craniano

A ocorrência

Por volta de meia-noite e doze desta segunda-feira, dia 27 de novembro, a PM compareceu à Rua Cirilo Maciel, cruzamento com a avenida Getúlio Vargas, atendendo a uma denúncia de perturbação do sossego em um bar localizado na esquina do referido cruzamento. No local, segundo a ocorrência, várias pessoas haviam colocado cadeiras e mesas no centro da rotatória e faziam uso de bebida alcoólica, promoviam algazarras e ouviam som alto, perturbando a tranquilidade.

No local, a guarnição policial deu ordem para que os indivíduos saíssem da via pública e, durante a retirada das mesas e cadeiras, o suspeito J. A. M. J. 29 anos, passou a desobedecer às ordens emanadas e resistir à prisão. Nesse momento, conforme relata a ocorrência registrada pela PM, o suspeito A. A. S., 44 anos, tentou subtrair a pistola cal .40 de um militar que reagiu fisicamente na tentativa de impedir que arma fosse levada, vindo o infrator a cair ao solo, batendo com a cabeça no chão.

O suspeito foi socorrido ao Pronto Atendimento Municipal (PAM). No local houve a prisão do suspeito J. A. M. J, de 29 anos, por desacato.

[continua depois do anúncio]

O ferido

O rapaz que sofreu a queda é Anderson Alves da Silva, conhecido como Tequinho, de 44 anos de idade. Ele foi atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) pelo dr Felipe, que atestou um traumatismo craniano. Ainda de acordo com familiares que estavam na UPA na manhã de hoje, o rapaz chegou à unidade sem batimentos cardíacos, tendo sido reanimado pela equipe médica. Anda na manhã desta segunda ele foi encaminhado para o pronto socorro do Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, em estado grave.

Testemunhas disseram que Tequinho não estava na rotatória junto com os outros rapazes, mas foi até o local tentar conversar com os policiais na hora do fato.

Versões do fato serão apuradas, diz Tenente

Em entrevista ao diretor da Rádio Tropical, Thiago Martins, o assessor de comunicação do 7º Batalhão em Bom Despacho, Tenente Renato, confirmou que os policiais compareceram ao local da ocorrência atendendo a pedidos da população por perturbação de sossego.

“Os policiais perceberam que os indivíduos estavam usando até a rotatória da via, colocando cadeiras e mesas para promover essa perturbação de sossego lá. Em determinado momento os policiais militares, determinando que cessasse o som, começaram a ser hostilizados e desacatados com palavras de baixo calão e desobediência. Um indivíduo que estava presente começou a xingar os policiais, com palavras de baixo calão, e nesse momento os policiais tentaram prender e algemá-lo, quando próximo a um dos policiais militares que estavam fazendo a ‘algemação’ desse cidadão, (o policial) sentiu que alguém colocou a mão, tentando puxar a arma de fogo da sua cintura, momento em que ele voltou-se para trás e fazendo uso de força física para se desvencilhar dele, reagiu e esse cidadão caiu, batendo a cabeça no solo, ficando desacordado. Os policiais militares imediatamente o conduziram até o pronto socorro. Essas são as notícias que chegaram pra nós”, relatou o Tenente.

O militar disse que a situação será apurada com base no relato feito pelos policiais que atenderam a ocorrência e também a partir de depoimentos que serão colhidos sobre o caso. Ele disse em caso de culpa os responsáveis serão punidos.

“A Polícia Militar prima muito pela lisura de suas ações (…) Qualquer que seja o fato diverso do que foi relatado ou tenha provas desse comportamento desviante dos policiais que atenderam a ocorrência, com certeza vão ser apurados em procedimento próprio e em se chegando a uma prova de autoria de ilícito contra os policiais militares, também vão ser devidamente aplicadas as punições, que podem chegar até a demissão”, afirmou.

Repercussão nas redes sociais

O assunto tomou conta de grupos de facebook e whatsapp, com postagens diversas relatando o caso e em algumas, criticando a ação da PM. Dois vídeos filmados por frequentadores do bar onde aconteceu o fato circularam pelas redes sociais, sendo retirados do ar por volta do meio dia.

Em entrevista ao repórter Iuri Urquisa, da Divinal, o tenente Batista, Comandante da Companhia de Polícia Militar de Lagoa da Prata, disse que algumas pessoas fizeram postagens maldosas, denegrindo a imagem da polícia e de profissionais que, segundo ele, nem estavam no local. Ele disse que a instituição tomará providências judiciais nesse caso.

“Já percebi aqui, vamos estar fazendo ocorrências, porque tem pessoas nas redes sociais difamando outros policiais militares que nem na ocorrência estavam. Da mesma forma que vamos apurar essa ocorrência vamos também entrar na justiça contra essas pessoas que estão falando mal dos policiais que sequer estavam na situação”, afirmou o comandante.

Manifestação na praça

Amigos de Tequinho se reunem na praça para protestar contra a violência

Dezenas de amigos de Anderson se reuniram na praça da matriz, por volta de sete horas da noite desta terça, 28, para realizar um protesto contra a violência. Vestidos com camisetas brancas e levando alguns cartazes com a inscrição “Justiça – #Força Teko – Estamos todos com você”, eles fizeram uma passeata até o local onde ocorreu o incidente.

“Queremos pedir a cada um que continue com suas orações pelo nosso amigo pela sua recuperação (…) a infelicidade desse acontecimento vai fazer muita coisa mudar e é por isso que estamos aqui, vamos todos lutar de mãos dadas”, disse uma das manifestantes.

Na rotatória onde aconteceu o fato, os manifestantes entoaram um coro gritando “justiça”. Uma senhora mais idosa falou algumas palavras sobre Anderson, ressaltando seu comportamento pacífico: “Ele era um menino da paz, da turma do deixa disso (…)”.

Até a manhã desta quarta, o estado de saúde de Anderson permaneceu inalterado. os sedativos já foram retirados mas ele continua respirando com a ajuda de aparelhos.

Família informa sobre estado de saúde de Tequinho

Nesta sexta-feira, primeiro de dezembro , pela manhã, foi divulgada pela família do Tequinho a seguinte nota:

“O quadro dele é o mesmo.
Não está sedado desde terça de manhã, portanto, não está em coma induzido.
São danos cerebrais devido ao golpe inesperado que recebeu no pescoço, levando  a uma parada cardíorespiratória. Ficou 23 minutos nesse estado.
Ele precisava acordar nas primeiras 24 h.  Acordar para avaliar os danos mas já se passaram 72 horas.
Novos exames serão feitos pois está demorando mais que o esperado para reagir.
Abrir os olhos e pequenas reações,  foram  boas notícias  nas primeiras horas.
Mas agora, depois de 3 dias sem sedação,  esperava-se muito mais.
O estado dele é nível grave.
Porém,  cada pessoa, cada organismo … pode APRESENTAR uma reação particular.
Temos muitas esperanças.
As manifestações de oração,  apoio e a busca por  esclarecimento do ocorrido só tendem a ajudar e mostrar o quanto ele é querido”.

A reportagem do Jornal O Papel está em contato direto com a prima de Anderson, Carla Brandão e da sua namorada Shirley. Os relatórios serão repassados com maior frequência afim de manter a comunidade informada.

Nesse momento, as 17:42 de sexta, 01/12, não foram registradas ainda alterações no deu estado de saúde.

Exames afastam risco de infecção – 02 de Dezembro

Segundo relatório enviado pelos familiares do mecânico Anderson Alves, o Tequinho, neste sábado (02/12) foram realizados exames médicos para avaliar uma suspeita de infecção, que poderia resultar em pneumonia e agravar o quadro de saúde do paciente. Felizmente os resultados foram satisfatórios, não foi constatada infecção, conforme relatou sua prima Carla Brandão:

“Não tem infecção nenhuma. Mais uma vitória dele,  mais uma vitória das orações de todo mundo”, disse. Ainda de acordo com ela Tequinho teria esboçado mais uma reação. “A Shirley me falou que ele abriu o olho e olhou pra ela”, continuou. Ela agradece as manifestações de solidariedade e pede que todos continuem com as orações.

“O Thiago Martins me falou uma coisa  bacana demais, que me emocionou. Que mesmo que for um por cento de chance que ele tiver, nós temos que depositar cem por cento de fé. de orações e esperança nesse um por cento, porque o Tequinho é muito forte, se ele conseguiu depois desse quadro todo chegar vivo, foi um milagre, ele vai completar o milagre”, concluiu.

O risco de infecção está afastado, mas o quadro clínico permanece sem alterações.

Notícias de domingo, 03/12

Os médicos acabaram de passar para a família o quadro clínico de Anderson.
Apresentou febre, sendo necessário o uso de antibióticos .
Nestas últimas horas, fez-se necessário também intervenção com sedação, pois ele apresentou agitação INVOLUNTÁRIA, o que precisou ser controlado para não ocorrer danos.

A família expressa gratidão e pede que continuem com as orações, pois as consideram fundamentais.

Informações desta segunda, dia 04 de dezembro:

No geral o estado de saúde de Anderson permanece o mesmo, com pequenas alterações. Hoje, por ser mais indicada do que o uso prolongado do respirador, seria realizada nele uma traqueostomia (procedimento cirúrgico no qual é criado um orifício no pescoço para alcançar a traqueia, com a finalidade de facilitar a respiração).
Porém, os médicos optaram por realizar exames na coluna e pescoço com o fim de descartar por completo a possibilidade de lesões. De acordo com informações da família, que está acompanhando Tequinho, essas possibilidades foram descartadas.
Anderson, hoje, apresenta o quadro de uso de antibióticos e baixa sedação.
“Infelizmente (Tequinho) ainda não apresenta reações conscientes visto que existem inchaço e lesões cerebrais devido às paradas cardíacas que ocorreram no domingo, 26/Dez, sendo uma delas, inclusive, por mais de 20 minutos”, afirmaram os familiares.

Atualização – 06/12

Foi realizada, hoje, a cirurgia de Traqueostomia de Anderson (Tequinho).
Tudo correu como esperado.
Porém, ele ainda continua inconsciente visto a gravidade do quadro clínico em que deu entrada no hospital em Belo Horizonte.

Atualização – Domingo 10/12

Cada vez mais, os médicos reafirmam a gravidade do quadro clínico de Anderson (Tequinho). A família teme que o estado vegetativo possa vir a se estabelecer, visto os relatórios médicos diários.

Mais informações a qualquer instante.

Post Anterior

Lagoa Futebol Clube bicampeão municipal de Lagoa da Prata

Próximo Post

PM prende assaltantes de restaurante em LP

Junior Nogueira

Junior Nogueira