segundo informações repassadas agora pela Policia Militar:

 

Ontem uma GURP compareceu na fazenda jacaré onde funcionários da usina Louis Dreyfus commodities relataram que faziam a colheita de uma quadra de canavial que foi queimado de forma clandestina momento que avistaram as margens de um carreador um corpo de um ser humano do sexo feminino totalmente carbonizado. O local foi isolado sendo acionada a perícia técnica. O perito após recolher alguns materiais e fazer seu trabalho liberou o corpo para a remoção feita pela funerária são Francisco que encaminhará para o realização de necrópsia. O corpo foi confirmado pelo perito sendo uma mulher de estatura baixa, podendo ser negra e usava uma peça de roupa vermelha com bolinhas brancas. Dentre os materiais recolhidos havia um preservativo e uma prótese dentária inferior.

 

Mais informações a qualquer momento.

- Anúncio -