Robson, do lagoadaprata.com: “A mídia tem que fazer a sua parte, e acredito que esteja fazendo...”

Site lagoadaprata.com ouviu mais de setecentos internautas em pesquisa, veja os resultados

[continua depois do anúncio]

[metaslider id=2553]

Uma pesquisa de opinião pública realizada pelo site lagoadaprata.com na última semana revelou a sensação de insegurança em que todos vivem na cidade atualmente. A enquete foi feita pelo facebook e obteve 730 respostas. O material será apresentado na reunião que acontece às 18:30 na Associação Comercial, onde representantes da sociedade organizada debatem formas de atacar o problema da violência no município.

A ideia era coletar muitas repostas de internautas para vermos como pensa a população lagopratense e, de alguma forma, usar isso para melhoria da segurança publica na nossa cidade”, revela Robson Moraes, diretor do lagoadaprata.com.

O trabalho, segundo ele, começou há cerca de uma semana. “A pesquisa foi divulgada inicialmente no dia 27 de abril as 17:30 horas, compartilhada pelo Facebook e Whatsapp – Foi encerrada dia 02 de maio as 13:00 com 735 respostas”, complementa.

De acordo com Robson, a opinião das pessoas coincidiu com o que ele esperava, na maioria das questões. “Os resultados são bem compatíveis com o que se ouve pela internet e se comenta nas nossas rodas de amigos e formadores de opinião”, diz.

Para ele, cada setor da sociedade deve dar sua parcela de contribuição para tentar resolver o problema. Robson entende que tratar abertamente do assunto e denunciar a situação é o caminho para ajudar a polícia no combate ao crime.

A mídia tem que fazer a sua parte, e acredito que esteja fazendo, cada um, um pouquinho que somado se torna grande. Vemos diversos órgãos cobrando melhorias, cobrando das autoridades e divulgando ações. É o caminho. Cabe à população fazer denúncias para aumentar a eficiência da policia”, finaliza.

Acompanhe os resultados da pesquisa:

Nota-se que a população atribui o aumento da violência à falta de efetivo policial, ao empenho das autoridades e à própria sensação de impunidade que existe em decorrência disso. Quase 95 por cento dos entrevistados revelou sentir-se inseguro na cidade hoje em dia e já teve que mudar seus hábitos e costumes em decorrência dessa situação.

 

A quase totalidade dos internautas que participaram da pesquisa concorda que a segurança pública deve ser encarada como prioridade máxima na cidade. Vejam:

Além de não se sentir seguro nem mesmo em casa, o lagopratense acha que a PM não consegue fazer frente à bandidagem e há em seu circula de relacionamentos (família e amigos) alguém que já foi vítima da violência em Lagoa da Prata. O medo é a principal razão das pessoas evitarem denunciar pessoas em atitudes suspeitas ou criminosas.

As agências bancárias do Sicoob já reduziram o horário de atendimento nos caixas eletrônicos. Agora a população passa a substituir o dinheiro em mãos pelo dinheiro eletrônico, com medo da ação dos bandidos.

Apesar de acreditar que a quantidade de policiais é insuficiente para enfrentar os criminosos, a população em sua maioria ainda confia no trabalho da polícia.

- Anúncio -