Foto do local (reprodução G1 - Rafael Moreira).
Foto do local (reprodução G1 - Rafael Moreira).

Três pessoas são assassinadas em clínica de recuperação em Divinópolis

Autores atiraram nas vítimas e atearam fogo ao local

 

Na noite desta quinta-feira, dia 26 de abril, por volta de 21:56h, na rua Soldado Geraldo Fernandes, no bairro Itacolomi, em Divinópolis, indivíduos não identificados, após arrombarem o portão, adentraram nas dependências de uma clínica de recuperação, onde alguns internos estavam dormindo e foram surpreendidos pelos autores, que realizaram vários disparos de arma de fogo e atearam fogo nas dependências.

No local foram socorridas nove vítimas pelo SAMU e Corpo de Bombeiros:

– A. F. K. S., 34 anos.

– W. G. P. J., 39 anos.

– C. F. B., 39 anos.

– S. H. S., 55 anos.

– P. R. A., 41 anos.

– R. C. F.,48 anos.

– M. E. S., 27 anos.

– T. A. B., 47 anos.

– J. A. J. R., 37 anos.

Algumas das vitimas aqui mencionadas conseguiram fugir do local. Um dos sobreviventes foi alvejado por um disparo de arma de fogo de raspão na perna. Três vitimas fatais foram identificadas preliminarmente como Ricardo, 54 anos, Jescelei, 37 anos e Leonardo 32 anos, que devido ao incêndio, não conseguiram escapar, ficando presos e carbonizados entre os escombros.

Os corpos carbonizados ainda serão enviados ao IML em BH para exame antropológico e DNA para fins de identificação definitiva.

De acordo com o chefe de Polícia Civil de Divinópolis, Ivan Lopes, foram feitos os levantamentos periciais e foi encontrada uma cápsula de munição calibre .380. As equipes ainda estão em campo realizando a investigação.

A Polícia Militar segue no rastreamento e orienta a população: se alguém tiver informações sobre a autoria dos fatos, que colabore com o trabalho da Polícia fazendo a denúncia via Disque Denúncia,  através do número 181 ou pelo diretamente pelo 190 da Polícia Militar, sem a necessidade de se identificar.

Mais informações a qualquer momento.

- Anúncio -