source
Bruno Borat
Reprodução/Instagram

Bruno Borat abre barraca de praia depois de se recuperar de tiro

Bruno Miranda, mais conhecido como o Borat de “Amor & Sexo”, abriu uma barraca de praia um mês após receber alta do hospital depois de ser baleado em uma briga de trânsito . O ex-assistente de palco contou que já tinha os planos de inaugurar o empreendimento antes de ser baleado, mas o incidente atrasou os planos dele.

“Era para ter inaugurado antes. Aí, tomei o tiro e parou tudo. Minha mulher [Mariana Melgaço] teve que cuidar de mim. Tive muito prejuízo. Tudo foi adiado e tive que planejar tudo de novo”, ele contou em entrevista ao site Notícias da TV.

A barraca de Borat fica na praia de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, e ele diz que decidiu abrir o negócio por frequentar muito a praia e saber do que os banhistas sentem falta. Bruno também explica que ainda não pode pegar peso ou se movimentar muito, pois ainda está se recuperando das operações, por isso está trabalhando apenas na administração do negócio por enquanto.

Bruno conta com a ajuda da família para tocar o negócio e detalha sua rotina. “Começamos às 5h para montar a barraca. Às 7h, já está tudo de pé para atender a galera que vem jogar frescobol, beach tênis e fazer aulas com personal aqui na praia. Temos que estar prontos para atender todas essas pessoas. Como comprei a Kombi, guardamos tudo nela após a desmontagem”, explica.

Recuperação

O ex-assistente de palco também falou um pouco sobre a recuperação. Ele disse que está fazendo acompanhamento e de vez em quando precisa ir ao hospital fazer exames. Bruno Miranda já não está mais com os pontos e fala que a recuperação foi rápida.

“Mas não posso fazer nada. Não posso malhar e não posso pegar peso porque estou com pontos internos. Já não tomo mais remédios. Só sinto algo quando faço algum esforço a mais, aí eu sinto dor e tenho que tomar medicação. Tento ficar parado, mas não consigo”, conta. Mesmo com as limitações, ele comemora os avanços em seu estado físico. “Estou me recuperando ainda. Não estava nem conseguindo conversar porque me faltava ar. Agora, eu consigo falar melhor”, diz.

Fonte: IG GENTE

- Anúncio -