Consep repassa outra viatura à Guarda Municipal

Entrega aconteceu na presença de forças policiais e poder judiciário

 

Na manhã desta quarta-feira, dia 11 de abril, a nova diretoria do Consep – Conselho Comunitário de Segurança Pública de Lagoa da Prata, fez a entrega oficial de mais uma viatura para a GCM – Guarda Civil Municipal.

Na ocasião, foi feita também a apresentação da nova composição do conselho, empossada em novembro último, para um mandato de dois anos.

O novo presidente, Roberto Antonio Amaral, disse à reportagem que o órgão tem se empenhado para ajudar no que é possível as forças de segurança no município.

“Estamos começando uma nova administração do Consep e a entrega dessa viatura hoje é fruto de uma parceria entre o Poder Judiciário, o Consep e a Guarda Municipal. Assim como nós já repassamos outros veículos para a Guarda, estamos hoje passando uma viatura completa, com cofre, giroflex e rádio, para ajudar na segurança de Lagoa da Prata”, informou, lembrando que a ajuda da população ao conselho também é importante.

Roberto Amaral, atual presidente do Consep
Roberto Amaral, atual presidente do Consep

“O Consep não tem recursos próprios, ele sobrevive de doações e de repasses do Fórum. As pessoas, tomando consciência disso e querendo nos ajudar, é o que a gente precisa para estar ajudando a melhorar a segurança da nossa cidade”, continou.

Além da Pálio Adventure entregue oficialmente nesta quarta, outros veículos já foram repassados pelo conselho para a guarda, que também presta ajuda na manutenção.

”Estamos sempre fazendo ajuda na manutenção de todos os veículos, porque o estado infelizmente não faz os repasses a tempo e hora das necessidades. Bateria, suspensão, todo tipo de manutenção veicular que é preciso o Consep ajuda a fazer”, conclui Roberto.

A parceria entre as instituições funciona através do repasse de recursos e veículos apreendidos, através do poder judiciário para o conselho e assim para as orças de segurança.

Polícias estão abandonadas, diz Juiz

Dr Islon: polícias estão abandonadas
Dr Islon: polícias estão abandonadas

Durante a solenidade na sala de audiências do Fórum, o juiz Dr. Islon Cesar Damasceno disse que as policiais estão abandonadas pelo estado e que a Guarda Municipal, a mais nova força de segurança criada que tende a se tornar uma polícia municipal, já está também sofrendo com o descaso do poder público.

“Esse conselho não pode se limitar a fazer o repasse de verbas para a segurança pública. Ele precisa ter uma atuação mais ativa em relação aos poderes públicos para reclamar o apoio às forças de segurança. A Polícia Militar está, em vários aspectos, abandonada pelo estado, a Polícia Civil mais ainda, isso é público e notório, se não fosse o apoio do município, com combustível, o próprio aluguel do quartel, praticamente não teria condições de funcionamento (….). E a Guarda Municipal, sendo o órgão de segurança mais novo que nós temos, já praticamente está abandonada, me desculpem a expressão, mas com o chapéu na mão (…) dependendo aí de doação de veículos, de manutenção de veículos e outras carências. E isso é mais triste ainda quando a gente tem a convicção de que a Guarda Municipal caminha para ser uma polícia municipal, a exemplo de alguns países (…) porque na prática a Guarda Municipal já assumiu essa função, mas nessa triste realidade, sem o apoio necessário do poder executivo municipal. Lamento que não tenha ninguém do município aqui, na última reunião havia representante do município e eu fiz questão de fazer essa observação e hoje não se encontra ninguém”, pontuou.

O juiz também cobrou dos empresários, representados na ocasião pela gerente de marketing da Associação Comercial, um maior apoio logístico através das câmeras de segurança que são instaladas em seus estabelecimentos e lembrou a importância da tecnologia no esclarecimento dos crimes com um caso recente envolvendo um acidente de trânsito na cidade.

“Recentemente nós tivemos um caso em que a imagem foi fundamental. Aquele acidente em que o rapaz atravessou o cruzamento com a moto empinada. Ele foi preso, liberado na delegacia porque num primeiro momento se achou que era um acidente em circunstâncias normais e posteriormente, com essas imagens, se verificou que ele empinou a moto e atravessou o cruzamento com a moto empinada. É um exemplo de como imagens hoje ajudam a esclarecer crimes (…) isso transformou um crime culposo em doloso, ele vai responder perante o tribunal do júri”, finalizou.

O Tenente Harley, comandante da Cia PM de Lagoa da Prata, elogiou o trabalho desenvolvido em parceria com a Guarda Municipal e prometeu se empenhar para que ele seja cada vez melhor. “A pretensão nossa é dar continuidade a esse trabalho. Da mesma forma com o Consep. Contem com a gente, estamos sempre à disposição”, disse.

O Comandante da Guarda, Emerson Santos, disse que o trabalho integrado das forças de segurança em Lagoa da Prata é fundamental para reduzir os índices de criminalidade e adiantou que a instituição receberá o reforço de mais oito agentes em breve.

“Vamos fazer o curso de tiro agora em Maio na cidade de Contagem e vai vir um novo concurso da Guarda, mais oito guardas estarão chegando para ajudar”, externou.

Em seguida, foi feita a entrega oficial da viatura, em frente ao prédio do Fórum. Além da Pálio, que já está atuando desde janeiro, já foram repassados para a Guarda um Volkswagen Gol, um Fiat Uno e duas motocicletas.

- Anúncio -